Relaxar depois de um dia cansativo, stressado, em que só apetece ” explodir” , fazer qualquer coisa diferente, beber uns copos, comer calorias, correr, andar,etc são impulsos nervosos frequentes no nosso organismo por varias situações.

Podemos atenuar estes impulsos ao longo do dia, com um uma infusão relaxante em vez de muitos cafés que só vão ainda aumentar mais a nosso stress!

Os benefícios desta infusão:

Infusão com Extratos Botânicos

 

Camomila

A Camomila serve para ajudar no tratamento de irritações na pele, resfriados, inflamações nasais, sinusite, má digestão, diarreia, insônia, ansiedade, nervosismo e dificuldade para dormir. As propriedades da Camomila incluem sua ação estimulante da cicatrização, antibacteriana. anti-inflamatória, anti-espasmódica e calmante.

 

Roobios

O rooibos tem-se tornado popular nos países do hemisfério ocidental particularmente entre os consumidores preocupados com a saúde, devido ao alto nível de antioxidantes, por não conter cafeína, e por seus baixos níveis de tanino, comparados com aqueles do chá preto tostado ou do chá verde. O rooibos é considerado como coadjuvante em casos de tensão nervosa, alergias e problemas digestivos. Os usos medicinais tradicionais do rooibos na África do Sul incluem-no como remédio para cólicas infantis, alergias e problemas dermatológicos e de asma.

Estudos da Associação de Medicamentos dos Estados Unidos América (USDA) indicam que o uso de canela na quantidade de uma colher de chá diariamente reduz significativamente o açúcar no sangue e melhora a taxa de colesterol (LDL e triglicerídos). Os efeitos, que podem ser conseguidos ao utilizar canela em chás, beneficiam também diabéticos. Não se sabe ao certo se o consumo de canela é efetiva no combate à hipertensão. Há três estudos em andamento monitorizando a questão do efeito na pressão sanguínea.

Cravinho

O conteúdo total de óleo em cravos (de boa qualidade) chega a 15%. O óleo é constituído, basicamente, por eugenol (70 a 80%), acetato de eugenol (15%) e beta-cariofileno (5 a 12%).Este óleo é usado como matéria-prima na indústria farmacêutica, cosmética e odontológica. O cravo tem sido utilizado, há mais de 2000 anos, como uma planta medicinal. Os chineses acreditavam em seu poder afrodisíaco. O óleo de cravo é um potente antisséptico. Seus efeitos medicinais compreendem o tratamento de náuseas, flatulências, indigestão, diarréia, tem propriedades bactericidas, e é também usado com anestésico e antisséptico para o alívio de dores de dente.  O Professor Gary Elmer, Ph. D. do departamento de Medicinal Chemistry da University of Washington School of Pharmacy, em Seattle, salienta que “o eugenol realmente mata viroses e bactérias”.

Pimenta Preta

A pimenta preta estimula de tal modo as papilas gustativas que é enviado um alerta ao estômago para que aumente a secreção de ácido clorídrico, melhorando assim a digestão. O ácido clorídrico é necessário para a digestão de proteínas e de outros componentes dos alimentos. A pimenta preta demonstrou possuir efeitos antioxidantes e anti-bacterianos impressionantes – outra forma deste maravilhoso tempero promover a saúde do aparelho digestivo.

Gengibre

Popularmente, o chá de gengibre, feito com pedaços do rizoma fresco fervido em água, é usado no tratamento contra gripes, tosse, resfriado e até ressaca. Banhos e compressas quentes de gengibre são indicados para aliviar os sintomas de gota, artrite, dores de cabeça e na coluna, além de diminuir a congestão nasal, cólicas menstruais e previne o câncer (cancro) de intestino e ovário. O gengibre tem ação bactericida, é desintoxicante e acredita-se há séculos que possua poder afrodisíaco. Na medicina chinesa tradicional, por sua reconhecida ação na circulação sanguínea, é utilizado contra a disfunção erétil. O óleo de gengibre também é utilizado para massagear o abdômen, aquecendo o corpo e excitando os órgãos sexuais.

Cardamomo

Na Índia, o cardamomo-verde é largamente usado para tratar infecções nas gengivas e nos dentes, na prevenção de doenças da garganta, congestão pulmonar, tuberculose pulmonar, inflamação das pálpebras e problemas digestivos. Algumas espécies do género Amomum são ainda usadas na medicina tradiconal indiana. Entre outras espécies, variedades e cultivares, a Amomum villosum é usada pela medicina tradicional chinesa para tratar dores estomacais, constipações, disenteria e outros problemas digestivos. O cardamomo-tsaoko é cultivado na província chinesa de Yunnan, tanto como especiaria como para fins medicinais.

Inulina

Inulina  é um frutano, polissacarídeo da frutose com uma unidade de glicose terminal, de origem vegetal. A inulina, por não ser digerida pelas enzimas do intestino humano, é considerada como fibra alimentar insolúvel. Desta maneira, a inulina alcança o cólon e é utilizada pela flora microbiana.

 

Em zonas húmidas, devemos usar esta infusão em 2 meses (o pó pode ficar duro).

João Belim

Expert Wellness